BLOG THIAGO DA NOTÍCIA

  • Twitter
  • Facebook
  • Google+
  • RSS Feed

domingo, 13 de novembro de 2016

POLÍCIA MILITAR PRENDE QUADRILHA QUE ESTAVA ESPALHANDO O TERROR EM CARUARU E QUATRO DOS CRIMINOSOS CONFESSARAM PARTICIPAÇÃO NO LATROCÍNIO NA ZONA RURAL DE ALTINHO.

Nenhum comentário:
 



Ivanilson, foi identificado em alguns assaltos.
Samara, confessou participação no latrocínio.
Mônica, foi reconhecida por algumas das vítimas de assaltos.


Josimar, foi preso com a moto roubada.
Severino Luiz, já cometeu 3 homicídios.
José Davyd, foi pego com a espingarda e confessou o latrocínio, ele foi quem atirou na vítima.

Na manhã desta sexta-feira (11) o comandante do 4º BPM Tenente-Coronel Roberto Galindo, foi informado pelo NIA (Núcleo de Inteligência do Agreste) da identificação de um dos autores do latrocínio ocorrido na madrugada desta quinta-feira (10) no Sítio Jaqueira de Altinho que teve como vítima o agricultor, Edvaldo Geraldo da Silva, de 35 anos, que foi visitado por uma quadrilha que bateu a sua porta dizendo serem policiais e quando ele abriu a porta anunciaram o assalto, subtraíram vários objetos como TV, som, celulares, mas quando pegaram a moto do cidadão ele reagiu e foi morto na frente da esposa e do filhinho de apenas 2 anos.

Diante da informação recebida o comandante montou uma operação com o efetivo do NIA, o Cabo Figueiredo e a soldado Morgana da Patrulha do Bairro Maurício de Nassau, os soldados Márcio Farias e T. Vieira da Caça Homicida, soldado Elon da ROCAM e a guarnição do Oficial de Operações e realizando diversas buscas conseguiram prender Ivanilson Cordeiro da Silva, de 30 anos; José Dayvid da Silva, de 24 anos; Samara Maria dos Santos, de 22 anos; Josimar dos Santos Rodrigues, de 25 anos e duas adolescentes de 13 e 14 anos, todos do bairro José Carlos de Oliveira; Severino Luiz da Silva, de 46 anos, que é do Alto do Moura e Mônica da Silva Barbosa, de 19 anos, residente na Vila Padre Inácio.

Com os criminosos os policiais apreenderam duas armas de fogo, sendo um revólver calibre 38 e uma espingarda calibre 20, 16 celulares, uma moto roubada, dois receptores de TV, jóias e a importância de R$ 300,00 em espécie. Quase 10 pessoas compareceram na delegacia, onde reconheceram o José Davyd, o Ivanilson, a Samara e as duas adolescentes pelos crimes, inclusive com exceção do Ivanilson, esses citados confessam participação no latrocínio, como agiam quase todos os dias na área rural de Agrestina, Caruaru e Altinho e como também utilizavam um Gol preto, eram conhecidos como os bandidos do Gol preto ou a gang do Gol preto.


Todos os acusados foram apresentados no plantão da 1ª DP, para adoção das medidas cabíveis.
 
Fonte do Blog Adielson Galvão 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
© 2012. Design by Main-Blogger - Blogger Template and Blogging Stuff