BLOG THIAGO DA NOTÍCIA

  • Twitter
  • Facebook
  • Google+
  • RSS Feed

terça-feira, 22 de maio de 2018

PRESO EM GAMELEIRA SUSPEITO DE MATAR O SARGENTO JUSTINO EM CARUARU

Nenhum comentário:
 

No início da noite desta segunda-feira (21), foi preso na Vila São Mateus em Gameleira, Diogo Wendson Rodrigues da Silva, de 21 anos, que mora em Paulista, que foi pego com 14 pedras de crack.

O imputado ainda assumiu para o efetivo que ele teria praticado o homicídio do Sargento reformado Claudionor Justino de Souza, o Sargento Justino, de 61 anos, que foi morto no final da tarde do dia 10 desse mês, quando estava trabalhando como segurança em um supermercado no bairro João Mota em Caruaru. Diante dos fatos o imputado foi conduzido a Delegacia de Polícia de Civil para serem tomadas as medidas cabíveis.

A PM, durante a Operação Combate ao CVLI, juntamente com a Polícia Civil foi informada que no endereço citado o imputado descrito estava praticando atos ilícitos, os policiais foram ao local e o imputado se encontrava dentro de sua casa, onde solicitaram o apoio do GATI e da ROCAM, daí foi feito um cerco na residência e ao iniciar verbalização para o mesmo sair da casa ele tentou fugir pela parte de trás da residência, pois sabia que era o policiamento que estava verbalizando. Sendo que ao ver o cerco do efetivo o imputado adentrou na casa de novo. Porém, ainda assim conseguiu fugir pra casa vizinha vindo a cair de uma altura de mais ou menos uns 3 metros, causando-lhe algumas escoriações e lesões.

Posteriormente, o proprietário da residência vizinha chegou ao local e abriu a porta para o policiamento adentrar na casa e o imputado foi capturado. Após a detenção do mesmo, retornaram a casa dele, onde foi encontrado aproximadamente uma porção de maconha e 3 big-big de maconha totalizando 100 gramas do entorpecente apreendido. Após essa apreensão de drogas, o imputado disse que havia mais drogas na casa da sua vizinha e disse que numa caixa de isopor havia 2 kg de maconha, porém essa caixa de isopor não foi localizada, mas os policiais conseguiram encontrar 14 pedras de crack no guarda-roupas dela. Neste momento que estávamos abordando a casa da Sra Lidiane Alves da Silva, o efetivo escutou vários disparos de arma de fogo que poderia ter sido realizado pelo filho da Lidiane, que conseguiu fugir quando viu a policia chegar ao local.
 
Fonte do Blog AG

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
© 2012. Design by Main-Blogger - Blogger Template and Blogging Stuff